Cartao de Credito

Orientação do Procon para evitar problemas com o Cartão de Crédito

O cartão de crédito é uma forma de pagamento bastante útil e segura. Ainda assim, não são raros os problemas entre operadoras de cartão e consumidores. As reclamações contra as administradoras de cartão são recordista no Procon. Os consumidores reclamam principalmente de falta de informação sobre taxas, cobranças indevidas e dificuldade de negociar dívidas. Na tentativa de solucionar o problema, a Procon estabeleceu uma série de orientações, para facilitar as relações entre clientes e operadoras.

Informações úteis

PROCON

PROCON

  • Na hora de assinar a proposta de adesão, é importante que o consumidor leia todas as cláusulas e verifique se o contrato se refere ao tipo de cartão escolhido. O contrato deve informar sobre a data de vencimento da fatura, valor da anuidade e índice de reajuste. Atenção: só assine o termo se estiver de acordo com todos os itens do contrato!
  • Alguns cartões, principalmente os de supermercado, cobram juros a partir da data da compra. Fique atento a esse tipo de informação.
  • Cartões adicionais são de inteira responsabilidade do titular e podem ser cobradas taxas de anuidade.
  • Para aproveitar melhor os prazos para a quitação da fatura, confira qual o melhor dia para realizar compras com o seu cartão de crédito.
  • Alguns estabelecimentos costumam criar preços diferenciados para pagamento à vista e com o cartão. Saiba que esse tipo de prática é proibido. Por isso, caso o comerciantes insista no valor diferenciado, se recuse a comprar e denuncie o estabelecimento.
  • Com os cartões de crédito, o consumidor pode optar por compras à vista e parceladas com ou sem juros. Ao optar por uma dessas forma de pagamento, o ideal é que se avalie as vantagens e desvantagens de cada uma delas e se calcule as cobranças de juros nas compras parceladas.
  • De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, artigo 39, parágrafo III, os bancos e administradoras de cartão de crédito estão proibidos de enviar cartões sem solicitação prévia do consumidor. Por se tratar de uma prática abusiva, o consumidor fica desobrigado de pagar anuidade ou qualquer outra cobrança. Mesmo que utilizar o cartão, é direito do consumidor a anuidade gratuita.
  • Em caso de perda, furto ou extravio do cartão, a administradora deve ser informada o mais rápido possível. Caso existam valores lançados na fatura que não sejam reconhecidos pelo consumidor, a administradora deverá ser comunicada para que resolva a cobrança indevida.



Por: Emília Silva. Categoria: Dicas // Tags: , , , , ,

Não encontrou o que procurava?

Custom Search

Deixe um comentário!

Se você gostou do post, ou não, mas tem algo a comentar, por favor, preencha o formulário abaixo. Pedimos apenas que cuide da escrita e não escreva nada ofensivo.

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório, mas não divulgado)

Mensagem

Cartão e Crédito RSS

Cartão e Crédito em seu e-mail!

Cadastre-se e fique atualizado sobre os cartões de crédito.

Fechar Cartão e Crédito