Cartao de Credito

Poupança, Renda Fixa, Títulos Públicos ou Títulos Privados?

Uma das regras mais importantes da Educação Financeira é investir o seu dinheiro. A caderneta de poupança é a forma de investimento mais conhecida e utilizada pelos brasileiros, mas será que ela é mesmo a melhor opção em tempos de inflação alta?

A verdade é que não existe uma opção de investimento melhor do que as outras. A escolha mais acertada depende do seu perfil, ou seja, da quantidade de dinheiro que pretende investir, do quanto pode arriscar, do que espera do investimento, entre outros fatores. Por isso, é importante conhecer bem as possibilidades de investimento para escolher a mais adequada para o seu perfil como investidor.

Também é preciso lembrar que qualquer pessoa pode (e deve) investir o seu dinheiro. Temos que acabar com o mito de que apenas quem tem muito dinheiro está apto para o mundo dos investimentos.

Poupança

Investimento

Como investir o seu dinheiro

A poupança é o investimento preferido dos brasileiros pelas facilidades que oferece. Algumas contas correntes já possuem uma conta poupança vinculada, tornando o investimento ainda mais simples. Outro atrativo da caderneta de poupança é a segurança, já que o rendimento é garantido e creditado todos os meses. Além disso, não há cobrança de taxa de administração e o valor aplicado é isento de imposto de renda.

O problema é que em comparação com outros tipos de investimento a rentabilidade da caderneta de poupança é baixa. Com a inflação mais alta, a tendência é que haja uma diminuição do poder aquisitivo e como o dinheiro rende bem menos que a taxa de inflação, o investimento pode se tornar desvantajoso. Por isso, especialistas recomendam que a poupança seja utilizada apenas com fundo de reserva ou objetivos de curto prazo.

Títulos Públicos

A compra e venda de títulos públicos também é uma opção de baixo risco e simples de se executar. Ao comprar títulos do governo você estará fazendo um investimento de baixíssimo risco, uma vez que as chances do governo quebrar são muito pequenas. O dinheiro investido é utilizado pela união nas dívidas públicas e crescimento do país, fazendo com que o montante renda.

O investimento em títulos públicos não é feito por intermediação bancária, mas diretamente pelo investidor. A operação é feita pela internet, através do CPF da pessoa. Ou seja, qualquer um pode investir. Em geral a rentabilidade desse tipo de investimento é mais alta que outros fundos e produtos bancários, mas é preciso ficar atento pois o rendimento varia de acordo com a taxa Selic.

Título Privados

São títulos de dívidas bancárias, também conhecidos como CDB (Certificado de Depósito bancário). Nesse caso, o dinheiro investido é utilizado para financiar as dívidas do banco ou alavancar seu crescimento. Por isso, é importante escolher uma instituição financeira sólida, pois o risco do investimento depende diretamente do bom funcionamento da instituição.

Os bancos não cobram taxa de administração para compra de seus títulos, o que torna esse investimento mais interessante. Outro atrativo é a rentabilidade dos títulos privados, que costuma ser maior que a dos título públicos e da poupança. É importante destacar que quanto menor for o banco escolhido, maior será a rentabilidade, mas o risco também pode ser maior.

Fundos de Renda Fixa

Os fundos de renda fixa são administrados pelos bancos, para que eles invistam em títulos privados ou públicos. Em geral, os gerentes adoram oferecer essa opção para os seus clientes, mas é preciso tomar cuidado, pois o investimento nem sempre é vantajoso.

Como é o banco quem compra e vende esses títulos, é cobrada uma taxa de administração pela realização do serviço. Por isso, a rentabilidade dos fundos de renda fixa, conforme a taxa cobrada, pode ser menor que a da caderneta de poupança. Desse modo, antes de aplicar seu dinheiro em fundo de renda fixa, avalie a rentabilidade líquida desse tipo de investimento e compare com outras opções.



Não encontrou o que procurava?

Custom Search

Deixe um comentário!

Se você gostou do post, ou não, mas tem algo a comentar, por favor, preencha o formulário abaixo. Pedimos apenas que cuide da escrita e não escreva nada ofensivo.

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório, mas não divulgado)

Mensagem

Cartão e Crédito RSS

Cartão e Crédito em seu e-mail!

Cadastre-se e fique atualizado sobre os cartões de crédito.

Fechar Cartão e Crédito